quarta-feira, 7 de outubro de 2009

II Crônicas

Por Carlos Santos
Olá, hoje quero escrever sobre algo que Deus compartilhou comigo na semana passada em meu momento devocional. Tenho trabalhado bastante -12 horas por dia-, é muito cansativo, mas mesmo assim Deus tem me encorajado a “subir o monte” e buscá-lo. Subir o monte é algo não muito fácil, mas no topo (na perspectiva de Deus) podemos ver a vida de uma outra forma.

Capítulo 1: Salomão pede sabedoria!

“Dá-me, pois, agora, sabedoria e conhecimento, para que possa sair e entrar perante este povo; pois quem poderia julgar a este tão grande povo?” 2 Cr 1:9

Salomão pediu sabedoria para cumprir seu chamado no Reino de Deus. Isso é ser servo competente, querer saber mais para poder servi-lo melhor. Isso agrada a Deus. O próprio Jesus disse: “Busquem primeiro o Reino de Deus e a sua justiça...” (Mateus 6.33).
Salomão poderia ter pedido bens materiais (ouro, riquezas desta terra), mas ele entendeu o que era mais importante. Mas vale a pena lembrar que ele só foi capaz de discernir isso porque ele andava em ADORAÇÃO.


Capítulo 2: Construindo o templo de Deus

Veja 5 chaves interessantes que encontrei em 2 Cr 2.4, que descrevem como deve ser o templo de Deus. O templo é um lugar de encontrar a Deus, e é muito interessante meditarmos nos requisitos antigos para nos abençoar hoje em nosso diário com o Senhor.
Hoje o templo não se restringe a Igreja (Edifício), mas ao nosso próprio ser (“Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos?” – 1 Co 6.19).

“Eis que estou para edificar uma casa ao nome do SENHOR meu Deus, para lhe consagrar, para queimar perante ele incenso aromático, e para a apresentação contínua do pão da proposição, para os holocaustos da manhã e da tarde, nos sábados e nas luas novas, e nas festividades do SENHOR nosso Deus; o que é obrigação perpétua de Israel.” (2 Cr 2.4)

AS 5 CHAVES DO VERDADEIRO TEMPLO:

1- Um lugar santo. (Separação)
Somos santos e assim deve ser nossa maneira de viver. Isso não quer dizer que aquele que se relaciona com Deus nunca deva pecar, mas que sempre procure se auto-corrigir. Analisando sua vida, confessando diante do Senhor e cooperando com Ele na própria correção. O senhor não nos força a mudar, Ele nos mostra o pecado mas somos nós que devemos agir cooperando com Ele.

2- Um lugar de sacrifício. (Morte do eu)
Acredito que sempre teremos de sacrificar algo em nossa personalidade. É a morte do nosso velho “EU” demonstrando nosso amor por Jesus. Quando amamos, pagamos o preço que for necessário somente para agradá-lo.

3- Um lugar de Incenso. (Oração)
O Senhor ama a oração pura e verdadeira, não aquela retórica pré-definida. Ele ouve o sincero de coração. E assim como o incenso tem cheiro agradável, a oração do justo (justificado pelo sangue de JESUS) é boa diante do nosso Deus.

4- Um lugar de sustento. (Pães diários)
Ele é o nosso pão da vida, precisamos nos alimentar Dele todos os dias. Você já parou para pensar por que existem tantos cristãos fracos na fé? É porque eles não se alimentam diariamente da presença de Deus. Precisamos nos alimentar de sua palavra e da sua graça.

5- Um lugar de honrar.
O templo é um lugar de honrar a Deus. Será que nossas vidas tem mesmo honrado o nome do Senhor? Nós o honramos quando o servimos 24 horas por dia, não apenas aos fins-de-semana.


PORQUE E PARA QUE CONSTRUIR O TEMPLO?

(Vs 5 e 6) -> Deus é o motivo da construção e não nossa auto-promoção.
O que mais temos visto no meio da Igreja é o “querer ser reconhecido”, ministrar na casa de Deus esperando os aplausos da congregação. Não há nada de errado ouvir alguém nos elogiar pelo serviço que prestamos na Igreja, mas essa não pode ser nossa motivação.
A GLÓRIA É DE DEUS! FOI ELE QUEM NOS DEU CAPACIDADE DE FAZER, DE CONSTRUIR O MINISTÉRIO E DE SERVIR. Nós precisamos Dele até para servi-lo – Que paradoxo! – Que tremendo!
Salomão queria edificar para Deus, e não apenas para o povo de Deus! Abençoar os irmão é apenas uma conseqüência quando adoramos a Deus e o glorificamos – ISSO É VIVER EM ADORAÇÃO!

O templo representa um lugar de encontro com Deus. É um lugar de adoração que abençoa os povos. É um testemunho vivo da glória e do poder de Deus. É um lugar de adora-lo. (Vs 2.1)

UM ABRAÇO E DEUS TE ABENÇÕE.