quarta-feira, 12 de dezembro de 2007

SALMOS 126



1 QUANDO o SENHOR trouxe do cativeiro os que voltaram a Sião, estávamos como os que sonham.

2 Então a nossa boca se encheu de riso e a nossa língua de cântico; então se dizia entre os gentios: Grandes coisas fez o SENHOR a estes.
3 Grandes coisas fez o SENHOR por nós, pelas quais estamos alegres.
4 Traze-nos outra vez, ó SENHOR, do cativeiro, como as correntes das águas no sul.
5 Os que semeiam em lágrimas segarão com alegria.
6 Aquele que leva a preciosa semente, andando e chorando, voltará, sem dúvida, com alegria, trazendo consigo os seus molhos.

O nosso Deus nos faz viver seus sonhos e projetos em nossa vida. Muitas vezes somos como os que sonham, esperando que Deus complete uma obra em nós. Esse momento de sonhar deve ser alegre a cheio de esperança. Acredito que o povo que voltou do cativeiro babilônico estava com muitas espectativas de começar uma nova vida, e estavam maravilhados com a fidelidade de Deus.

Assim devemos ser nós, precisamos nos alegrar não apenas com promessa de Deus, mas com o Deus que nos prometeu. Lembrar de sua fidelidade nos momentos em que não podemos ver seu agir, sabendo que Ele trabalha para os que nele esperam.
O choro é passageiro mas a fidelidade de Deus permanece para sempre.

"Aquele que leva a preciosa semente, andando e chorando, voltará, sem dúvida, com alegria, trazendo consigo os seus molhos."

Aleluia!!
CARLOS SANTOS